Loja do Inter


Inter vence Gre-Nal por 1 a 0 no Olímpico
03/05/2010, 1:52 PM
Filed under: Sem categoria | Tags: , , ,

Fonte: Site Oficial

O Inter venceu o Grêmio por 1 a 0 na tarde deste domingo, no Olímpico, no segundo jogo da decisão do Gauchão. Giuliano marcou o gol da vitória, e apesar do resultado não ter sido suficiente para a conquista do tricampeonato estadual (foi derrotado por 2 a 0 no jogo de ida), o time colorado saiu com a cabeça erguida de campo.

Nos últimos dez clássicos, o Inter venceu sete, empatou um e foi derrotado em apenas dois. Neste Gauchão foram duas vitórias e um derrota. A supremacia colorada, que já dura 65 anos, é esmagadora na história do Gre-Nal. Agora tudo é Libertadores da América. Na quinta-feira, o Inter decide a classificação às quartas de final contra o Banfield.

O time colorado começou a partida com uma escalação diferente da utilizada no primeiro duelo da decisão, no Beira-Rio. Alecsandro, D’Alessandro e Sorondo foram vetados em função do desgaste físico. O capitão Guiñazu, expulso no jogo de ida, também ficou de fora do confronto. Nei começou o jogo no banco e Bruno Silva ganhou uma chance na ala direita. Ronaldo foi a novidade na zaga ao lado de Bolívar e Fabiano Eller.

Os primeiros minutos do Gre-Nal 381 foram repletos de lances ríspidos. Cada bola era disputada com muita raça. O Inter se impôs e buscou o gol desde o primeiro minuto. Aos 9min, Giuliano cobrou falta, Victor espalmou para fora da área e o próprio Giuliano pegou o rebote. O meia esperou a bola quicar e desferiu um belo chute que encontrou o cantinho esquerdo de Victor. Inter calava o Olímpico. Foi o 11º gol de Giuliano.

Aos 13min, Edilson cobrou uma falta e Pato espalmou para escanteio. Logo depois, Rodrigo ajeitou para Borges, que chutou de dentro da área para outra grande defesa de Pato. A partida era eletrizante. Aos 14min, Kleber fez grande passe para Taison no lado direito da área. O atacante chutou sem ângulo, em cima de Victor, que espalmou para escanteio.

O Inter trocava bons passes nas proximidades da área adversária. O time tinha calma na execução das jogadas, procurando a melhor brecha. Aos 21min, Taison tocou para Giuliano, que chutou da entrada da área, sobre o gol gremista. Um minuto depois, Borges se atrapalhou no meio da zaga colorada e chutou fraquinho para defesa tranquila de Pato.

A partida ficou concentrada no meio-campo, com poucas chances de gol. Aos 33min, Borges cabeceou da pequena área, sem ângulo, e Pato fez grande defesa. Na sequência, Bolívar afastou com um chutão. Aos 37min, Taison cruzou fechado da direita e a bola quase encobriu o goleiro Victor. No lance seguinte, Borges ganhou de Eller e chutou fraco, nas mãos de Pato. Aos 43min, após a cobrança de escanteio, Rodrigo chutou de primeira e Pato defendeu no meio do gol. O goleiro teve atuação destacada no Gre-Nal, sempre atento quando foi exigido.

O Inter voltou igual para a etapa final. O Grêmio fez uma alteração, colocando Hugo no lugar de Leandro. O time da casa veio para cima no começo do segundo tempo. O Inter se fechou bem atrás e suportou a pressão. Aos 6min, em um veloz contra-ataque, Borges invadiu a área e chutou na rede, pelo lado de fora.

O jogo estava nervoso. Ninguém conseguia ficar com a bola por muito tempo. A marcação era muito intensa de ambos os lados. O Inter tentava encaixar o contra-ataque sem sucesso. Aos 12min, Glaydson chutou prensado para escanteio. Aos 14min, Giuliano cobrou escanteio, Walter chutou e Bolívar quase conseguiu o desvio para o gol.

Aos 15min, Nei entrou no lugar de Bruno Silva. Aos 16min, Douglas cobrou escanteio e Hugo desviou perigosamente para fora. A bola quicou no chão e passou muito próxima ao travessão. Aos 17min, Thiago Humberto entrou no lugar de Walter. O Grêmio chegou com força aos 21min, mas Abbondanzieri fez outra grande defesa. Após cobrança de escanteio, a bola foi mal rebatida pela zaga e Ozéia chutou em cima do goleiro. Pato mostrou muito reflexo e agarrou a bola com segurança.

O técnico Jorge Fossari fez a última alteração aos 32min, quando colocou Kléber Pereira no lugar do zagueiro Ronaldo. O Inter partiu para o tudo ou nada. Porém, esbarrou no ferrolho armado pelo Grêmio em frente à área. Estava difícil de chegar ao segundo gol. Kleber forçava os cruzamentos da esquerda, mas Victor levava vantagem pelo alto.

Com o passar do tempo, o nervosismo aumentava. O Inter tentava o abafa final, mas o Grêmio não dava espaços. Já no final do jogo, aos 45min, Taison se estranhou com Jonas e foi expulso. Pouco depois, o árbitro Leandro Vuaden encerrou o clássico. Agora tudo é Libertadores para o Inter.

“O Grêmio recebe uma taça carimbada, mas está de parabéns. Vencemos no Olímpico, mas o nosso foco está na Libertadores. Vamos lotar o Beira-Rio na quinta-feira e buscar a classificação contra o Banfield”, projetou o presidente Vitorio Piffero.

“Não estou feliz, queria brindar a torcida com a conquista do Gauchão. O time se portou muito bem, mas foi uma decisão de 180 minutos, na qual não conseguimos reverter a vantagem obtida pelo adversário no primeiro jogo. Nosso objetivo principal é a Libertadores. O que fica depois deste Gre-Nal é a moral bem em cima. Vamos trabalhar forte para o jogo contra o Banfield”, disse o técnico Jorge Fossati.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: