Loja do Inter


Inter sofre derrota no Pacaembu
04/06/2010, 1:03 PM
Filed under: Sem categoria | Tags: ,

Fonte: UOL Esporte

O Internacional foi derrotado por 2 a 0 pelo Corinthians, na noite desta quinta, no Pacaembu, pela sexta rodada do Brasileirão. O primeiro tempo foi bastante equilibrado, mas o time da casa abriu o placar em uma cobrança de pênalti. O Corinthians ampliou no começo da etapa final, complicando a reação. No próximo domingo, o Inter busca a reabilitação em casa diante do Palmeiras. No momento, o time colorado ocupa a 16ª posição, com seis pontos.

Mesmo time

O interino Enderson Moreira repetiu o time no seu segundo jogo à frente do comando técnico do Inter. Nei e D’Alessandro, lesionados, foram os desfalques. A dupla volta a jogar somente após a pausa da Copa do Mundo. O goleiro Pato Abbondanzieri ficou em Porto Alegre aprimorando sua condição técnica. O Inter começou com Lauro; Glaydson, Bolívar, Sorondo e Kleber; Sandro, Guiñazu, Giuliano e Andrezinho; Walter e Alecsandro.

Jogo equilibrado

Os primeiros 15 minutos foram disputados em alta velocidade no Pacaembu. A disputa pela bola no meio-campo era intensa. As chances de gol, escassas. Ambos os times marcavam com eficiência e procuravam se expor o menos possível. Ninguém queria errar. Bem equilibrado, o Inter trocava passes com tranquilidade na busca pela melhor jogada.

Aos 5min, Guiñazu tentou bom lançamento para o ataque e Paulo André cortou para escanteio. Aos 7min, Bruno César chutou da entrada da área para defesa segura de Lauro. Andrezinho apresentava boa movimentação pelo meio e chegava com qualidade ao ataque. Já o Corinthians investia nas jogadas laterais, com os bons avanços de Jucilei e Roberto Carlos. Aos 19min, Roberto Carlos chutou com força, cruzado, e a bola chegou quente nas mãos de Lauro, que fez a defesa em dois tempos no centro do gol.

A melhor chance colorada na etapa inicial foi aos 24min. Kleber tocou para Giuliano que devolveu de primeira para Andrezinho chutar colocado, da meia-lua, buscando o ângulo esquerdo. Felipe espalmou para escanteio, salvando a pátria corinthiana. Após a cobrança, a bola sobrou para Alecsandro concluir de calcanhar da pequena área, nas mãos de Felipe. O lance, porém, já estava anulado por impedimento.

O Corinthians chegou com perigo aos 30min, quando Bruno César pegou rebote na meia-lua, livre de marcação, e chutou à esquerda do gol colorado. Três minutos depois, Dentinho fez um passe na medida para Iarley, que invadiu a área e chutou em cima de Lauro para escanteio.

Pênalti complica o Inter

Aos 36min, o árbitro do Distrito Federal Sandro Meira Ricci achou um pênalti de Sorondo sobre Danilo. O zagueiro teria empurrado o meia do Corinthians. Roberto Carlos cobrou no canto esquerdo e Lauro quase fez a defesa. O goleiro chegou a encostar na bola, que entrou fraquinha. 1 a 0.

O resultado era injusto. Mas o Inter não se abalou e tentou o empate. Aos 41min, teve uma falta frontal ao seu favor. Kleber se atrapalhou na cobrança e errou a bola. O jogador se complicou ao tentar fazer uma jogada ensaiada com a participação de Andrezinho.

Corinthians faz 2 a 0

O jogo recomeçou em alta velocidade. Aos 2min, Walter fez bom passe para Alecsandro, que dividiu com Felipe na pequena área. O goleiro conseguiu ficar com a bola, evitando o gol de empate. Aos 7min, Iarley, ex-Inter, ampliou para o Corinthians. O atacante recebeu bom passe de Elias no interior da área e chutou no canto direito para fazer 2 a 0.

Inter tenta reação

Aos 8min,  Alecsandro chutou de dentro da área para defesa salvadora de Felipe. A conclusão foi de primeira e desviou na zaga antes do goleiro evitar o gol colorado. Aos 10min, o Corinthians fez boa troca de passes na entrada da área até Elias chutar colocado, à esquerda de Lauro.

O ritmo do jogo caiu bastante a partir de então. O Corinthians se fechou atrás e passou a jogar nos contra-ataques. O time colorado não conseguia a finalização. Aos 17min, Roberto Carlos cobrou uma falta e a bola acertou o lado externo da rede. Aos 24min, Jucilei chutou forte, de longe, e Lauro defendeu com segurança. Na jogada seguinte, Giuliano tentou o chute colocado, mas a bola saiu ao lado do gol.

Alecsandro quase marca

A sorte não estava do lado do Inter. Aos 38min, na melhor chance do segundo tempo, Alecsandro cabeceou da pequena área e a bola tocou na trave direita. Ela ainda correu por cima de toda a linha até Roberto Carlos afastar com um chutão. Não era mais possível evitar a derrota no Pacaembu.

“Procuramos empatar, mas o Corinthians é um grande adversário e soube se fechar bem”, disse o capitão Guiñazu.

“Tivemos um bom volume de jogo, mas a bola não entrou”, lamentou Giuliano.

“Faltou sorte, poderíamos ter empatado. Fizemos um bom primeiro tempo, mas na etapa final não tivemos efetividade na frente”, avaliou o vice-presidente de futebol Fernando Carvalho.

“Até o pênalti, estávamos com bom controle do jogo. Sofremos um gol cedo no segundo tempo, mas apesar disso fomos em busca do empate. Tivemos boa posse de bola,  mas ela não quis entrar, bateu na trave e rolou por toda linha naquele lance do Alecsandro, por exemplo”, lembrou o técnico interino Enderson Moreira.

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: